Rss Feed
  1. Castelo de areia

    segunda-feira, 9 de abril de 2012


    Sabe aquela estabilidade. Tudo correndo dentro de um curso perfeito, ou pelo menos tranquilo. Tudo dentro dos trilhos. Pois é, falsa e vã ilusão. Busca-se a plenitude e felicidade. Porém quando menos se espera as coisam mudam. Sentimentos mudam. Pessoas mudam. Convicções mudam. Clichê, mas real: tudo muda. A questão é, o falso preparo que temos para lidar com a mudança. Mesmo vivendo em busca de mudanças, novidades. (Tudo bem? Novidades?). Nunca esperamos novidades ruins, só esperamos e queremos mudanças, ou novidades, boas. Existem mudanças que chocam, nos trazem sentimentos desconhecidos, dores e incômodos novos. Já que estamos alheios a sofrer com as mudanças (novidades), acontecimento esse tão almejado pela maioria, estamos inevitavelmente alheios a sofre e nos surpreender de forma negativa. Seria mais fácil se estivemos preparados para tudo, seja bom seja ruim. Mas se for assim não tem graça né!? Ou tem? 

    Tudo muda. Pelo menos uma coisa boa tem, sempre tem. Se o que mudou é ruim, muito ruim, uma hora vai mudar de novo e vai ficar bom, muito bom.  

    ( I Coríntios 13)
    |


  2. mais perto...

    quinta-feira, 5 de abril de 2012


        Neste exato momento estou dentro de um avião, provavelmente, sobrevoando o Rio de Janeiro. O sol está se pondo. Lindo e laranja. Seu reflexo nas nuvens as  transformam em fogo. Vivo. Dá até vontade de pular de braços abertos, como diria um amigo meu. 

        Há uns 15 anos, em um voo com a minha Vó, ela, mais uma vez, disse algo que nunca esquecerei. Falou que para ela estar fisicamente mais perto do céu lhe trazia a sensação de estar "pertinho" de Deus. Esse é o sentimento que tenho agora. 

    Estando mais próximo (pertinho) de parte da criação, que de alguma forma ainda está intocada pelo homem, sinto o Criador mais perto. 
       Não é necessário artifícios espetaculares, gritar, correr, fazer escândalo, para estar mais perto de Deus. Basta admirar sua obra.

      Admirar a perfeição da natureza , tão pouco contemplada por nossos rotineiros e acostumados olhos, traz a certeza que o eterno está por vir. 
    |